Z Nation

Exibida pelo canal americano Syfy e com uma das maiores audiências do canal, a série já era favorita para a renovação. E ela aconteceu.

O canal anunciou oficialmente que irá produzir uma terceira temporada para a série, que aposta em demonstrar sua visão divertida e escrachada do apocalipse zumbi, diferente de outras séries do gênero. O Syfy aunciou ainda que o terceiro ano da série terá mais episódios do que as duas primeiras temporadas.

Em Z Nation é possível ver zumbis fumando maconha, transmutados por radiação, animais zumbis e até bebês zumbis, algo que não é abordado em The Walking Dead, por exemplo, que enfoca o lado mais dramático. Outro diferencial da série, é que ela aborda a busca pela cura do vírus zumbi, algo que as demais não exploram.

Na trama, um grupo cruza o país para entregar ao Centro de Controle de Doenças, o único ser humano que foi mordido por um zumbi e continuou vivo. No caminho, muita tirada de sarro, momentos divertidos e humor negro.

Murphy Z Nation

No episódio mais recente pudemos ver um museu zumbi, cheio dos estranhos espécimes da mitologia da série e o autor de Game of Thrones, George R. R. Martin, zumbificado, mas ainda assinando autógrafos do seu último livro. Martin é um fã da série e pediu para fazer essa participação.

GRRM2

A produção, que ainda não acabou de exibir os episódios da segunda temporada, vem alcançando números acima de 880 mil expectadores na transmissão ao vivo, dobrando o número nas reprises + streaming.

Leia nosso artigo especial sobre a série: 10 motivos para assistir Z Nation sem medo de ser feliz.

No Brasil, a primeira temporada está disponível para assinantes do Netflix.

lf4