A série da AMC, inspirada nos quadrinhos de Robert Kirkman, retornou no domingo, 14 de fevereiro, para a continuação de sua sexta temporada.  Como já era esperado na série mais vista da TV americana, seus primeiros episódios do ano sempre são bombásticos, talvez para perdoar o marasmo que nos anos anteriores preencheu os intervalos entre os grandes clímax exibidos só nos inícios e fins de temporada.

Mas o episódio 9 foi histórico.

Além de ações em diversos núcleos, os roteiristas fizeram a limpa em personagens insignificantes para o enredo e deram a chance de personagens queridos como Daryl e Glenn brilharem, assim como também fizeram algumas samambaias se mexerem como o Padre Gabriel que acabou sendo útil finalmente.

E tinha zumbis. Muitos zumbis.

Mas o melhor de tudo é que a AMC optou por dar ao episódio o tom brilhantemente impingido em um dos momentos mais chaves da história da série gráfica. Assim, uma sequencia de fatos que, apesar de já conhecidos dos fãs dos quadrinhos – e que pelo impacto técnico chegou-se a duvidar que fossem ao ar na TV –  foram fielmente adaptados, o que acabou causando frisson na internet e mobilizando fãs em todo o mundo. Os termos ligados à série se mantiveram como assuntos mais comentados no planeta nas redes sociais, durante e após a exibição.

Entrada Explosiva

O episódio 9 começou exatamente de onde o anterior parou. Daryl, Sasha e Abraham são abordados pela gangue de Negan, que tenta confiscar suas armas e combustível, além de intimidá-los. Daryl se superou e, quando ninguém esperava, usou a basuca de Abrahm e mandou todo mundo pelos ares. A cena é épica. Daryl voltando a ser Daryl depois de uma fase meio apagada. As implicações desta cena certamente serão ainda mais impactantes, uma vez que Negan não é do tipo que perdoa e gosta de passar mensagens de terror para subjugar as pessoas. Na HQ, na qual Daryl não existe (o personagem foi criado especialmente para a série de TV) vale lembrar que, pelo fato de terem matado membros do seu grupo, Negan decidiu dar o troco e matou a sangue frio um membro do grupo de Rick. Nos quadrinhos, esse foi Glenn, morto com um taco de beisebol na cabeça. Seria um indício de que a série vai usar o mesmo recurso, porém com outro personagem? Daryl, por exemplo?

Daryl Explosive

 

Olho por olho

A família de Jessie, insossa de tudo, é limada um a um durante a tentativa de fuga da invasão zumbi. Perturbado com as mortes da mãe e do irmão, Ron atira e acerta Carl bem no olho direito, em uma das cenas mais chocantes e bem parecida com a dos quadrinhos. Na HQ, Carl é atingido por uma bala perdida durante o desespero de um outro morador de Alexandria que dispara a ermo e acaba acertando o garoto.

Carl perde Olho TWD

 

Veja a semelhança da cena com os quadrinhos originais:

Carl perde Olho TWD HQ

Na dor, a união

O episódio com Carl faz Rick decidir empregar toda a sua fúria para acabar com os zumbis. Os demais membros do grupo, inclusive, os remanescentes de Alexandria se unem e começa uma luta corpo a corpo com os walkers até que não restasse mais nenhum. O quadrinista na HQ criou várias cenas que focam individualmente os heróis matando os zumbis e a cena foi brilhantemente reproduzida na TV, em um momento de euforia e desespero.

Rick faz o famoso discurso dos quadrinhos em que deseja ter Carl vivo para ver um novo mundo em que as pessoas passem a superar o apocalipse e aprender a coexistir tanto com os vivos como com os mortos.

Rick discursa

Algumas diferenças marcantes entre os quadrinhos e o episódio correlato:

  1. Nas HQs, Morgan não foi apenas atingido na cabeça durante a invasão dos zumbis à Alexandria. Pouco antes da ação toda, ele foi efetivamente mordido e teve seu braço amputado por Michonne, que nos quadrinhos tem uma relação amorosa com o filósofo do apocalipse. Ele acaba não resistindo. Ainda bem que isto não rolou na TV. Michonne merece mais.

Mas nada impede que Morgan ainda venha a ser mordido mais para a frente também na série.

Morgan mordido HQ

2. A sequencia em que a médica é sequestrada pelo Wolf (lobo) que Morgan permitiu entrar na cidade não acontece nesta cena específica da invasão.

3. Daryl não incendeia os zumbis. Até porque Daryl não existe na HQ.

4. Além de grávida, Maggie adotou Sophia, a filha de Carol (que na HQ já morreu). Na série de TV quem morreu há tempos foi a garota. Ainda bem!

5. Carl na altura deste acontecimentos é bem mais jovem do que aquele que vemos na TV já adiantado na adolescência.

Enfim, talvez um dos melhores episódios da história do show foi ao ar neste domingo. E que venham muitos episódios épicos como este!

Lembre-se: A partir do dia 21/02, a série passará a ser exibida uma hora mais cedo (às 23h15, na FOX), devido ao final do horário de verão.

Leia também: Promo do episódio 6×10

[follow id=”tvexpert” count=”true” ]
lf4