“Antes, eu ia buscar nas ruas, agora não preciso. Internet: o presente de Deus para os psicopatas.”, desta forma o assassino em série da nova série criminal da MTV, Eye Candy, se apresenta nos créditos de abertura. Feita com e para o público tradicional do canal – os jovens, Eye Candy supera qualquer expectativa, abrindo a trama com um crime desesperador e misterioso e que muda para sempre a vida de Lindy (Victoria Justice), a protagonista da série.

Baseada no romance homônimo de R. L. Stine, Eye Candy é toda bem construída, misturando suspense, mistério, crimes e tecnologia, e, como, em qualquer série da MTV, a trilha sonora é um destaque (não poderia ser diferente), além de muita gente bonita, capaz de deixar a impressão que você está vendo uma série da CW. Mas um ponto alto da série é que a trama vai prender você e deixá-lo a ponto de olhar com olhos suspeitos para cada personagem. Todos potencialmente poderiam ser o serial-killer.

CONTÉM SPOILERS

Nas primeiras sequências da série, o criminoso, cuja identidade não é revelada para o público – ficamos apenas com sua narração sinistra – vai ao apartamento de uma garota muito bonita em um desses encontros arranjados pela internet. Logo, ele nota uma pequena imperfeição em seu sorriso: um dente menor, menos branco e desalinhado dos demais. Este é o motivo suficiente para que ela se torne sua nova vítima.

Dessa forma, marcamos a primeira obsessão do criminoso: ele busca um ideal de beleza em suas vítimas e, as mata quando não encontra.

Com todo o look de patricinha da moda, Lindy, na verdade é mestre em tecnologia, atua na área e decide usar seus dons para investigar crimes cometidos pelos famosos cyberstalkers, os ditos psicopatas da rede, que fazem de suas vítimas esse sem fim de pessoas ingênuas que decidem compartilhar toda a sua intimidade com qualquer desconhecido com fotos bonitinhas na net.

Na tentativa de encontrar a irmã Sara (Jordyn DiNatale), que é sequestrada bem à sua frente, sem que ela nada possa fazer (em uma sequência de cenas desesperadoras) e de ajudar a outras pessoas a desvendarem crimes relacionados à encontros reais com pretendentes virtuais, ela usa suas habilidades para hackear informações na internet que vão desde os bancos de dados da polícia, até perfis em redes sociais e câmeras de vigilância. Por conta deles, Lindy acaba sendo presa. Com uma narrativa aliteral, aos poucos um quebra-cabeça vai sendo montado. Em uma cena a vemos em um bar conhecendo um cara. Depois sabemos que ela está na fossa por terminar com esse cara e, logo em seguida, a vemos no dia em que ela está sendo liberada do uso de um tornozeleira de monitoramento eletrônico para criminosos, muito comum nos Estados Unidos. O policial que a liberta do aparelho é Ben (Daniel Lissing), o mesmo cara por quem ela se apaixonou e que na verdade, era um investigador de polícia, que queria prendê-la por seus crimes cibernéticos.

51964-em-eye-candy-lindy-victoria-diapo-1

O título da série “Eye Candy“, ou literalmente “Colírio dos Olhos” é uma referência ao nickname de um aplicativo de namoro que sua colega de quarto, Sophia (Kiersey Clemons), usou ao criar para ela um perfil, com a missão de ajudá-la a esquecer seu amor frustrado. Ela reluta, mas acaba se deixando levar. O aplicativo, que tem geolocalização, mostra quem são os caras conectados e que estão ao ser redor, facilitando a aproximação.

Naquela noite, Lindy acaba sendo abordada por alguns caras. Três deles, acabam a convidando para um encontro.

E é aí que mora a graça (ou a desgraça) toda. Um deles é o criminoso e Lindy é a escolhida como nova vítima em potencial do stalker. Outro lance genial da série é que Lindy, que é uma habilidosa hacker acaba descobrindo que o seu perseguidor consegue ser ainda mais habilidoso do que ela.

Com aquela coragem que só se vê em séries de TV, ela marca de encontrar com os três caras e, disfarçadamente, os convence a cada um a instalar um supostamente inofensivo joguinho viciante em seus celulares, que na verdade é um aplicativo espião.eyecand

O que acontece em seguida é surpreendente! Você precisa acompanhar a série para tirar suas próprias conclusões.

Claro que Sophie se sente culpada por cadastrá-la no aplicativo e, em segredo avisa a Ben, ex-namorado e também policial que a prendeu, sobre o plano da garota, que obviamente vai tentar protegê-la.

Não é nem de longe um CSI, mas entrete, intriga e vai te fazer querer ver a sequencia.

Mesmo assim, Eye Candy não estreou bem em audiência. Nos Estados Unidos, o primeiro episódio alcançou míseros 0,2 pontos, o que equivale a cerca de pouco menos de 600.000 expectadores. Se comparado com Teen Wolf, o maior êxito da emissora, a segunda alcança quase 6 vezes mais audiência. Injusto resultado porque a série tem muitas qualidades.

Eye Candy: Quem é o serial killer da nova série da MTV? Conheça nossa lista de suspeitos!

Confira o trailer:

likeface

 

2 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta