Com sua estreia oficial prevista para o dia 24 de outubro pela NBC nos Estados Unidos e, já em novembro pelo canal pago Space no Brasil, a série originada dos quadrinhos não deveria surpreender muita gente. Pelo menos não aos milhões de fãs que tiveram acesso ao piloto vazado na internet desde meados de julho deste ano.

E não é apenas para não estragar o brilho de uma première que a NBC teria realizado intervenções importantes no material que será levado ao ar na estreia, mas principalmente pela grande repercussão que o piloto causou. Tanto os fãs da HQ Hellblazer, quanto do filme homônimo estrelado por Keanu Reeves correram aos sites e fóruns especializados e uma enxurrada de críticas foram propagadas na internet.

Lucy Griffiths deixa a série
Angelica Celaya escalada para viver Zed

Segundo o site THR, uma das mais importantes modificações da trama é a saída de Liv vivida pela atriz Lucy Griffiths, que no piloto vazado era uma franca aspirante a coprotagonizar o seriado e até a despertar o interesse amoroso do herói amaldiçoado. Ainda não se sabe se toda a participação dela será cortada ou se adaptada para parecer apenas uma história avulsa na narrativa da série. No piloto, Liv é filha de um antigo amigo de Constantine e protegê-la dos demônios seria uma forma de pagar uma dívida com o ex-parceiro.  A moçoila teria herdado alguns poderes sobrenaturais do pai. Ou seja, não é uma participação tão pequena. Na verdade, o piloto é basicamente sobre a relação nascente entre ela e Constantine.

Em seu lugar a série introduzirá Zed, vivida pela belíssima atriz Angelica Celaya, personagem conhecida da HQ, numa tentativa de aproximar a narrativa da série dos quadrinhos e contentar parcela de fãs raivosos.

Confira o trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=ybhkeJZKIIM