Se você não tem medo do sobrenatural, de monstros, zumbis, vampiros e possessões pode antecipar o Halloween e maratonar em algumas de nossas sugestões de séries do gênero, que fazem a cabeça de milhões de pessoas…

Ah, e não é vergonha nenhuma maratonar acompanhado!

American Horror Story

Chegando à sua sexta temporada, esta antologia de horror do canal FX sempre usa como pano de fundo lendas urbanas ou crimes reais da história ou do imaginário americano. Sem pudores para temas como sexo, violência e horror extremo, American Horror Story é uma das séries no ar mais representativas da categoria horror. Na temporada de 2016, o tema central foi mantido em segredo e o primeiro episódio, exibido em 16/09 centra-se na história da ilha Roanoke, na Carolina do Norte, onde mais de 100 britânicos desapareceram entre 1585 e 1587 sem deixar qualquer vestígio. Ainda não se sabe se cada episódio terá um tema, diferente do que ocorreu nas temporadas anteriores ou se será todo centrado na colônia perdida.

Penny Dreadful

Penny-Dreadful-Keyart-01-16x9-1

Seria impossível falar sobre este tema sem selecionar esta elegante e intensa série produzida pelo Showtime e que mostra atuações magistrais em uma trama que une diversos personagens clássicos das histórias de terror como lobisomens, vampiros, bruxas, demônios e possessões. Contada em três temporadas, seguimos a misteriosa Vanessa Yves (Eva Green) em sua exaustiva luta contra as forças do mal que tanto a desejam.

Saiba mais sobre a série em nosso artigo especial.

The Living and the Dead

thelivingandthedead

Essa delicada e surpreendente série inglesa aborda de forma muito inteligente as contradições entre o ceticismo e o sobrenatural. Um jovem médico, que começa a se embrenhar pelos estudos da psicologia, novo ramo da ciência na Inglaterra do século XVIII, se muda para o interior do país para cuidar da fazenda da falecida mãe, quando começa a se deparar com fenômenos inexplicáveis que, em princípio, ele acredita serem apenas males da mente. A trama tem reviravoltas surpreendentes, além do brilhante roteiro, fotografia e atuações.

The Walking Dead

the-walking-dead-cast

Um dos maiores fenômenos da televisão americana de todos os tempos trouxe dos quadrinhos uma das figuras mitológicas mais antigas da crendice sobrenatural: o zumbi. No enfoque mais urbano, a série se centra em um grupo de sobreviventes a um vírus que transformou a humanidade, quando toda pessoa que morre se torna zumbi com sede por carne humana. As grotescas figuras de zumbi, na verdade, não passam de pretexto para mostrar a violenta transformação da civilização, após o fim do mundo moderno e sua luta, sem freios e escrúpulos para se adaptar e sobreviver.

Outcast

outcast

Optando pelo horror mais clássico, Outcast também nasce nos quadrinhos e aborda o tema das possessões demoníacas e exorcismos, que já assustaram muita gente nos filmes sobre o tema. A série conta a história de Kyle Barnes, um rapaz que desde a infância, é afetado por possessões demoníacas. Agora, Kyle está disposto a descobrir toda a história sobre a maldição que o atormenta para que consiga ter uma vida normal, mesmo que isso possa significar um possível fim da vida na Terra.

Preacher

Preacher

Combinando horror com violência e sarcasmo, Preacher é uma das mais acertadas estreias do ano no segmento. Divertida, instigante, bizarra, com atuações consistentes, trilha sonora impecável e fotografia exuberante, a série traz uma linguagem ágil, ácida e inteligente para os quadrinhos de mesmo nome. Jesse Custer, um pastor texano com um passado tortuoso, acaba sendo possuído por uma entidade fugitiva do céu chamada Gênesis e que dá a ele o poder de fazer com que qualquer um o obedeça. Acompanhado de sua ex-namorada Tulipa e o vampiro irlandês Cassidy, Jesse vai atrás de Deus, que abandonou o paraíso, a fim de encontrar as respostas que procura.

Saiba mais sobre a série em nosso artigo especial.

The Strain

TheStrainRickBakerCreaturesoftheNight

Esqueça os vampiros românticos dos filmes e séries da modinha. Em The Strain, outra série inspirada em quadrinhos, eles são criaturas monstruosas, criadas a partir da contaminação das pessoas por um verme horroroso, presente no sangue dos strigois (os vampiros da série). Guiados por um ser todo-poderoso, os strigois não pensam, a menos que tenham essa permissão do mestre e vivem apenas para sugar sangue e espalhar horror. Entre os mocinhos, o Dr. Goodweather, um dos mais renomados pesquisadores do Centro de Doenças de Nova York, busca uma forma de tratar a praga da mesma forma que se erradica uma doença.

Saiba mais sobre a série em nosso artigo especial.

Hemlock Grove

hemlock-grove-wolf-hand

Todo monstro tem seus demônios. É com este slogan que a Netflix “vendeu” uma de suas primeiras série originais. A série aborda vampiros (aqui sob a alcunha de upir), lobisomens e outras criaturas bizarras de uma forma diferente. Mostra seus medos, seus remorsos e dilemas. Tudo começa quando duas adolescentes são brutalmente assassinadas e seus corpos são largados para que alguém os ache no dia seguinte, Peter Rumancek (Landon Liboiron), um jovem cigano de 17 anos, é acusado desses crimes e há também boatos de que ele seja um lobisomem. Mesmo sendo, secretamente, um lobisomem, ele não é o assassino. Juntamente com Roman Godfrey (Bill Skarsgård), que é um upir, planejam resolver o mistério.

Saiba mais sobre a série em nosso artigo especial.

Supernatural

supernatural

Talvez a mais pop das séries da lista, ela não poderia faltar. Ainda que a trama tenha alcançado já 12 anos no ar, permanece com uma legião de fãs que se auto-denomina família hunter. Tanto amor assim merece que você dê uma espiadinha e conheça essa história que já abordou quase todo tipo de tema sobrenatural em quase 300 episódios produzidos. Na trama, os irmãos Winchester, percorrem o país lutando contra criaturas sobrenaturais como forma de vingar acontecimentos do passado.

Being Human UK

bein-human

Acima de tudo uma história sobre amizade, Being Human é uma delicada, divertida e emocionante trama inglesa (que teve uma versão americana bem sem sal), que relata a tentativa de três jovens marcados pelo sobrenatural para levar uma vida normal. Porém, as forças ao seu redor parecem não estar dispostas a facilitar sua vida e a medida que as temporadas avançam, tudo se torna mais sinistro, intenso e perigoso, mas o que prevalece é o desejo deles de serem apenas humanos (título da série).

Constantine

CONSTANTINE_NBC

Apesar de ter tido apenas uma temporada produzida, Constantine mantém um movimento de fãs na internet que não desiste de tentar trazê-la de volta. A série é uma das mais interessantes sobre o tema e também traz um personagem dos quadrinhos para a TV, que foi imortalizado no cinema por Keanu Reeves no filme de mesmo nome. Constantine é um caçador do sobrenatural, mestre nas artes do ocultismo, sarcástico, divertido e destemido e que luta contra criaturas sombrias que planejam emergir das trevas e dominar o mundo.

Grimm

Grimm

Uma das mais populares séries sobre o tema, Grimm, está inclusive, chegando a sua derradeira temporada. Com um terror relativamente mais light, a série faz sucesso em todas as faixas etárias e mostra um mundo em que criaturas sobrenaturais (nem todas vilões malignos) convivem com as pessoas sem serem notadas, exceto por outros congêneres e pelo Grimm, um caçador, cuja tradição vem de gerações em gerações e é aquele que pode acabar com as forças do mal.

Master of Horror

masters-of-horror-tv-show

Criada por Mick Garris, parceiro de Stephen King, a série é uma antologia com episódios independentes entre si e que narram histórias de horror. Com duas temporadas, a série foi campeã de audiência e crítica.

Fear the Walking Dead

Caso The Walking Dead seja muito “série-modinha” para você, talvez Fear the Walking Dead possa fazer sua cabeça. Inclusive, é perfeitamente possível ver esta sem ter visto a original, já que a trama de uma não é complementar a da outra. Derivada do sucesso original, a nova série mostra o mundo se transformando e a queda da civilização nos primeiros momentos do apocalipse zumbi. Com uma narrativa mais lenta e psicológica, a trama é ambientada primeiramente em Los Angeles e, em seguida, no México e mistura o desejo pela sobrevivência e a violência das pessoas, bem exploradas na série principal, o aspecto dramático, com a destruição das famílias e ainda aborda toda a questão do sincretismo presente na cultura latina, que interpreta os zumbis não só como a doença transmitida pelo vírus, mas como algo sobrenatural.

Siberia

Muito antes de Supermax, a primeira série terror da Globo, Siberia foi concebida pela NBC. Nesta trama, algumas pessoas são levadas para um reality show na remota região russa da Sibéria e rapidamente, o programa colapsa e as coisas saem de controle. Além dos confrontos entre os participantes, pessoas tão diferentes,  uma terrível experiência científica deu origem a uma criatura que começa a matar os participantes.

Ash vs the Evil Dead

ASH

Na linha das séries de horror divertidas, Ash retorna de uma franquia de filmes de terror de grande sucesso dos anos 80/90 para a TV e, novamente, precisa lutar contra terríveis forças demoníacas que pretendem dominar o mundo. A versão para a TV é engraçada, com tipos caricaturados e cenas espetaculares de monstros sendo retalhados pelo herói com sua serra elétrica.

The Vampire Diaries

Se você curte algo mais light, tem a romântica – mas sangrenta – saga dos irmãos Salvatore, vampiros que arrancam suspiro das adolescentes no mundo inteiro. A série é baseada no conjunto de best sellers escritos por L.J. Smith e segue os eventos da misteriosa cidade de Mystic Falls, assombrada por seres sobrenaturais de todas as espécies. O foco principal da série é o triângulo amoroso entre a protagonista Elena Gilbert (Nina Dobrev) e os irmãos, Stefan (Paul Wesley) e Damon Salvatore (Ian Somerhalder). Os dois tem um passado sombrio. Mais tarde a luz é lançada sobre o misterioso passado da cidade – envolvendo a cópia de Elena, Katherine, e a família original, que deu origem aos vampiros.

Teen Wolf

teen-wolf

Baseada em um filme de grande sucesso dos anos 80, a série de TV só utilizou o mote principal e os nomes de alguns personagens, mas troca a comédia adolescente por uma série bem feita, com um roteiro inteligente no que se refere aos temas sobrenaturais que são abordados, valendo muito a pena uma conferida. Scott é um adolescente do ensino médio bastante irrelevante, até que é mordido por um lobisomem e passa por transformações. Rapidamente, Scott descobre não ser o único ser sobrenatural da cidade e uma verdadeira luta entre caçadores e lobisomens começa. Com o passar das temporadas, outras criaturas de mitologias nórdicas, eslavas e orientais começam a figurar entre os personagens e a série amadurece como uma das melhores mitologias do gênero.

uber-promo-code

lf4